Arquivo de Artigos

Opostos

17-02-2024 01:19
O mar está tão calmo.pdf (215029)

cinzentos

17-02-2024 01:14
cinzentos.pdf (204339)

a revolta dos pássaros

14-02-2024 01:34
a revolta dos pássaros.pdf (203595)

Dá-me a vida

16-07-2023 01:27
Dá-me aquilo que seremos (canção)    Dá-me um beijo  dá-me a vida  dá-me aquilo que seremos  dá-me o riso de mil fontes  e os olhos de uma montanha  e uma nave espacial  feita dos sonhos das flores  e um mundo cheio do olhar  que se inventa noutro...

Boca de pedras

16-07-2023 01:25
Boca de pedras   A minha boca está cheia das pedras dos edifícios que nunca construí e derrocaram antes de nascerem pois vivi sempre num tempo invertido caótico, demente, falsificador um tempo sem tempo para ser algo mais do que o tempo a desejar. Alimento-me de casas sem paredes concretas com...

Queria ter um sonho

16-07-2023 01:24
Queria ter um sonho   Eu queria ter um sonho que me desse as cores de não ser o que não quero e em todos os momentos me trouxesse um existir imune ao desespero seriam mil caminhos por segundo mil fontes e uma água imprevisível cada gota criando um novo mundo cada mundo uma gota do...

corre pensamento voa

16-07-2023 01:23
Corre pensamento voa   Corre pensamento voa ao encontro do amor afasta-te da angústia dos olhos da razão rasga os horizontes com as garras do sonho procura a centelha da mortalidade. Os seres que não morrem não precisam do amor porque se contentam com a mesmidade replicam-se em sementeiras...

vou à procura do tempo

16-07-2023 01:22
à procura do tempo   vou à procura do tempo que se perdeu na distância de uma seara de instantes que querem a eternidade e de sabores macios e de aromas de luz e de harmonias que pairam no interior do céu e de ribeiras que sobem dissipando a gravidade   vou à procura do voo do testemunho...

A solidão das plantas

16-07-2023 01:20
A solidão das plantas   A solidão das plantas acasala com fungos no coração subterrâneo da partilha cecílias promíscuas em esperas fossoreais esfomeadas de pequenas vidas acomodam a pela na boca dos filhos. As ausências de olhos comem vibrações e recebem paisagens de proteínas vorazes de...

Barco extasiado

16-07-2023 01:18
Barco extasiado   Hei de levar-te pelas águas de um mar calmo no meu coração de barco extasiado deslizando no sossego dos peixes respirando a liquidez do horizonte na plenitude do redondo da vida na perfeição da manhã que promete terei os meus anseios como velas e o teu olhar como brisa...
Itens: 1 - 10 de 196
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>